Histórico

A BVS é resultado da evolução da cooperação técnica em informação em ciências da saúde conduzida pela BIREME/OPAS/OMS desde sua criação em 1967. Em 1998 surge a BVS, lançada no IV Congresso Regional de Informação em Ciências da Saúde (CRICS4) realizado em San José, Costa Rica e por meio da Declaração da Costa Rica “Hacia la Biblioteca Virtual en Salud”. Em 1999, acontecem as duas primeiras reuniões nacionais para o desenvolvimento de instâncias da BVS no Brasil: a BVS Saúde do Adolescente (em maio de 1999) e a BVS Saúde Pública (em novembro de 1999). Em setembro de 2008, foi lançado o Portal da BVS Brasil durante o CRICS 8/ BVS 5 realizado na cidade do Rio de Janeiro, o portal da BVS Brasil por meio da parceria entre a Organização Pan-Americana da Saúde – representação Brasil, BIREME/OPAS/OMS e o Ministério da Saúde do Brasil.

 

A Biblioteca Virtual de Bioética e Diplomacia em Saúde foi inaugurada em junho de 2011 e desde dezembro de 2012 faz parte da Rede de Bibliotecas Virtuais da Fiocruz (BVS Fiocruz).

 

A BVS BDS é desenvolvida e mantida pelo Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde (Nethis) sediado na Fundação Oswaldo Cruz em Brasília. O acervo da biblioteca reúne informações especializadas sobre a interseção temática de Bioética, Relações Internacionais e Saúde Pública que configuram um novo campo do saber e prática.

 

Na atualidade, a BVS Bioética e Diplomacia em Saúde encontra-se em fase de desenvolvimento adotando as medidas necessárias para sua certificação junto a Bireme.